Na noite de ontem, 16 de fevereiro de 2021, o Deputado Daniel Silveira postou um vídeo curto, diretamente de sua residência, onde havia recebido uma equipe da Polícia Federal, portando um mandado de prisão contra ele, expedido pelo ministro Alexandre de Morais, por ofensas e ameaças que supostamente teria feito aos membros do Supremo Tribunal Federal – STF.

No vídeo, o Deputado fala com muita segurança e tranquilidade que não oferecerá resistência à prisão e que vai aguardar a intervenção da Câmara dos Deputados, único órgão da Federação que pode, por competência constitucional, analisar a sua situação e intervir dentro dos preceitos da Lei.

O Deputado Arthur Lira, cerca de uma hora após a prisão de Daniel Silveira, se pronunciou pela primeira vez após o fato, deixando bastante claro que vai agir em conformidade com a decisão do plenário da Câmara.

Ele ainda afirmou, dentro de sua competência parlamentar, que vai conduzir essa ocorrência dramática com a maior serenidade possível, consciente de suas atribuições e responsabilidades para com todos os preceitos constitucionais e na preservação dos interesses democráticos e de direito.

Aguarda-se, para as próximas horas, uma atualização dessa notícia nos órgãos oficiais.