Uma pesquisa feita pela Genial/Quaest, divulgada nesta quarta-feira (03), mostra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à frente, com 44% das intenções de voto no primeiro turno, seguido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), com 32%. Na sequência aparecem Ciro Gomes (PDT), com 5%; André Janones (Avante) e Simone Tebet (MDB), com 2%; e Pablo Marçal (Pros), com 1%. 

Seis nomes que estavam inclusos na pesquisa não pontuaram: Felipe d’Avila (Novo), José Maria Eymael (DC), Leonardo Péricles (UP), Luciano Bivar (União Brasil), Sofia Manzano (PCB) e Vera Lúcia (PSTU). 

Em relação ao mês de janeiro, de acordo com a pesquisa, Lula oscilou de 45% para 44% das intenções, dentro da margem de erro. Já Bolsonaro subiu nove pontos percentuais, passando de 23% para 32%. 

A diferença entre os dois candidatos, de 12%, é a menor da série de levantamentos iniciada em julho. No último mês, Lula contava com 45% das intenções de voto, enquanto Bolsonaro aparecia com 31%. 

Ainda segundo os dados, levando em consideração somente os votos válidos, excluindo brancos e nulos, Lula teria 51% e poderia vencer no primeiro turno, na margem de erro da pesquisa, que é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. 

Os que dizem que irão votar em branco, anular ou deixar de votar somam 6%. A proporção dos indecisos também é de 6%. 

A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-02546/2022 e entrevistou duas mil pessoas com mais de 16 anos entre os dias 28 e 31 de julho, face a face, nas 27 unidades da federação.