Nesta segunda-feira (03/01/22), o deputado Gil Pereira participou da visita técnica aos municípios fortemente prejudicados pelas chuvas, que ainda castigam o Norte de Minas Gerais, ao lado do ministro Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e do senador Alexandre Silveira, para definição de mais providências imediatas de socorro às famílias afetadas e recuperação dos municípios.

Até o momento, segundo informou o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), foram disponibilizados R$ 47 milhões a Minas Gerais pelo governo federal para ações de resposta aos desastres naturais e reconstrução de infraestrutura danificada.
 
Gil Pereira agradece ao ministro

“Agradeço ao ministro Rogério Marinho, que sobrevoou todo o Norte de MG e depois repassou as necessárias orientações aos prefeitos sobre as providências legais a serem tomadas pelas administrações públicas, especialmente a Defesa Civil Municipal, em sintonia com a Estadual (Cedec-MG), para viabilizar o processo de reconstrução das cidades que tiveram danos de infraestrutura”, ressaltou o deputado Gil Pereira.

À tarde, depois de verificar as condições dos municípios arrasados por enchentes, deslizamentos e desabamentos, Rogério Marinho reuniu-se em Salinas com os gestores municipais, concedendo a seguir coletiva de imprensa para anúncio das medidas de emergência do governo federal e auxílio ao Estado.

Solidariedade e ampliação do auxílio

“Estamos solidários aos norte-mineiros e queremos ampliar a ajuda que já vem sendo garantida pelo governo federal. O Formulário de Informações do Desastre (Fide) precisa ser preenchido pela Defesa Civil Municipal, em cooperação com a Cedec-MG, fazendo com que este documento chegue o quanto antes à Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), vinculada ao MDR. Somente assim, teremos o detalhamento exigido para prestação da ajuda necessária a cada município, pois a liberação dos recursos demorando entre quatro e cinco dias. Ajudem-nos a ajudá-los”, destacou Rogério Marinho.

Também estiveram presentes, dentre outras autoridades: a ministra Flávia Arruda (Secretaria de Governo); deputados Diego Andrade, Igor Timo e Zé Silva; e prefeitos Juracy Freire (Porteirinha) e Tuquinha (Rio Pardo de Minas).

A região do Alto Rio Pardo, dentre outras castigadas por fortes chuvas no Norte de MG, recebeu visita de trabalho do deputado Gil Pereira na semana passada, ao lado do governador Romeu Zema e do chefe do Gabinete Militar e coordenador da Defesa Civil Estadual (Cedec-MG), coronel PM Osvaldo Marques.

Na ocasião, Gil Pereira cobrou urgente liberação de recursos para todas as cidades norte-mineiras prejudicadas pelas chuvas, dentre as mais afetadas, Rio Pardo de Minas, Porteirinha, Salinas, Monte Azul, Mato Verde, Janaúba, Montes Claros e Nova Porteirinha, onde houve ruptura de uma barragem.

Cuidado
 
“A ajuda humanitária emergencial é a mais importante neste momento, pois precisamos cuidar de garantir a vida das pessoas com medicamentos, alimentos, roupas, cobertores, alojamentos, itens básicos para inclusive atenuar tanto sofrimento”, afirmou o deputado Gil Pereira.
O completou: “Na etapa seguinte, vamos cobrar dos governos federal e estadual os recursos para reconstrução das casas danificadas ou destruídas, além da reposição dos utensílios perdidos como geladeiras, fogões, colchões, dentre outros, sempre com o apoio da Defesa Civil Estadual”, avaliou Gil Pereira.

Brasília

Também na semana passada, o deputado Gil Pereira deslocou-se para Brasília, onde esteve no Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), em busca de recursos e auxílio para os municípios da região, principalmente para as pessoas mais carentes.

“Fiz apelo à Defesa Civil Nacional, vinculada ao MDR, através da secretária substituta da Sedec, Karine Lopes, que responde pelo coronel Alexandre Lucas, que estava em missão de campo, pelo envio urgente de recursos a todos os municípios norte-mineiros afetados pela destruição, especialmente às pessoas mais vulneráveis, que necessitam de ajuda humanitária”, informou Gil Pereira, agradecendo ao pronto atendimento recebido.

 

 

Fonte: Assessoria Dep. Gil Pereira