O desespero de pais e mães do Afeganistão, após o Talibã ter tomado o país fez com que as mães tentassem entregar os próprios filhos aos soldados britânicos na tentativa de salvá-los.  

As imagens mostram as mães no aeroporto do Afeganistão passando seus filhos de mãos em mãos até serem entregues para militares britânicos que aparecem do outro lado. Em determinado momento é possível ouvir uma mãe gritando “salvem meu bebê”.  

Apesar da tentativa, o Secretário de Defesa do país, afirmou que não é possível levar menores do país sem a companhia dos pais.  

“Não podemos simplesmente levar um menor por conta própria. A criança foi levada porque a família também será levada. É muito, muito difícil para aqueles soldados, como mostram as filmagens, lidar com algumas pessoas desesperadas, muitas das quais estão apenas querendo deixar o país” disse o secretário em entrevista à Reuters.  

Em entrevista ao jornal britânico The Independent, um militar britânico que atua como paraquedista em Cabul relatou que, no momento de desespero, as mães jogaram os bebês e alguns caíram no arame farpado.  

"Elas gritavam 'salve meu bebê' e jogaram os bebês em nós, alguns deles caíram no arame farpado. Foi horrível o que aconteceu. Ao final da noite, não havia nenhum homem entre nós que não estivesse chorando”, disse.