Agora é oficial. A CEMIG já conta com a relevante contribuição da sua mais nova conselheira fiscal, Julia Figueiredo Goytacaz Sant’Anna, que ainda acumula o cargo de Secretária de Estado da Educação de Minas Gerais. Domiciliada na cidade do Rio de Janeiro-RJ, à Rua Professor Ortiz Monteiro 276-apto. 306, bloco A-Laranjeiras, Dra. Julia está à frente da Secretaria de Estado que é a maior empregadora pública de MG, com mais de 160.000 funcionários. Para empenhar-se como Conselheira Fiscal, Dra. Júlia receberá a bagatela de R$ 15.153,36 por mês mas, pasmem, com a obrigação de comparecer uma vez por mês a uma reunião da estatal concessionária de energia elétrica de MG, a CEMIG. Não é pouco trabalho não; ir lá na avenida Barbacena 1200 e ainda ter que comer aquele almoço de R$ 349,65 não é para qualquer um. Se vier do Rio de Janeiro para essa reunião do Conselho Fiscal, Dra. Julia terá direito, ainda, a passagens aéreas, mais o custeio de hospedagem, refeições e ajuda de custo no valor de R$ 1.515,33 cada vez que essa sofrida obrigação lhe for exigida. Apenas para ajudar numa comparação, uma professora em início de carreira no Estado de MG, que Dra. Julia conhece bem ou deveria conhecer bem o que faz, ganha, POR MÊS, em 22 dias de trabalho, R$ 2.135,00. Por mês, Dra. Julia. A remuneração da Doutora Julia, mais o pagamento de sua ajuda de custos, sem falar na compra de passagens aéreas, para comparecer uma vez por mês a uma reunião do Conselho Fiscal da CEMIG pagaria 7,8 vencimentos mensais de uma professora. Estão bem os conselheiros fiscais a CEMIG.