A Região Metropolitana de Belo Horizonte agora conta com uma estrutura integrada para tratar dos assuntos relacionados à mobilidade para a RMBH e viabilizar soluções mais eficientes. O anúncio do Escritório de Mobilidade, parceria entre a Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Belo Horizonte (ARMBH) e a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), foi feito nesta quinta-feira (28/11), durante a VII Conferência Metropolitana da RMBH, na Cidade Administrativa.

A iniciativa inédita objetiva o aprimoramento de soluções de transporte, por meio, por exemplo, de intenso monitoramento dos instrumentos de planejamento de mobilidade do Estado, da proposição de soluções técnicas, atualização de bancos de dados georreferenciados, entre outras ações.

O escritório ficará lotado na Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade, com equipe técnica que se dedicará aos temas – composta por servidores tanto da ARMBH quanto da Seinfra – e estrutura física específica.

“Vamos alinhar os nossos esforços no que tange ao planejamento da mobilidade. A Agência vai trazer as demandas dos municípios da RMBH para os projetos de infraestrutura do estado. Buscamos esse alinhamento há muito tempo e é a primeira vez que vamos conseguir de fato viabilizá-lo”, comemora o gerente de Planejamento Metropolitano da ARMBH, Charliston Moreira, que chefiará o Escritório de Mobilidade.

Entre os projetos que já estão em pauta estão, por exemplo, a Matriz Origem-Destino de Pessoas 2020, o Plano de Mobilidade para a RMBH, o Plano Estratégico Ferroviário (PEF), projetos que envolvem o Rodoanel de Belo Horizonte e o metrô, entre outros. “O Escritório complementará o trabalho desenvolvido pela estrutura já existente, tanto na gestão quanto no planejamento, nos dois órgãos”, acrescenta Moreira.

“A consolidação desta parceria entre a Seinfra e a ARMBH, tenho certeza, trará muito frutos e será mais um canal para ouvirmos sociedade civil, universidades, especialistas e o próprio governo e encontrarmos caminhos mais viáveis e eficientes”, afirma a diretora-geral da ARMBH, Mila Costa.

O secretário de Infraestrutura e Mobilidade, Marco Aurélio Barcelos, ressalta a importância de se criar uma estrutura específica para tratar dos assuntos de mobilidade metropolitanos. “Com o escritório, vamos priorizar projetos estratégicos e aprimorar soluções integradas de transportes, estimulando o desenvolvimento econômico não só da RMBH, mas de todo o estado. O escritório é mais um fruto da constatação de que sem um planejamento, não iremos longe”, destaca.

 

Fonte: Agência Minas

Imagem: Google