Formado por Breno Duarte, João Pastor e Victor Machado, o grupo mineiro 26:15 lança seu mais novo projeto independente e autoral, a música “Sabor Cereja”. Disponível nas principais plataformas de música, o single também ganhou videoclipe no canal oficial do grupo no YouTube. 

“Sabor Cereja’ tem uma pegada acústica, só voz e violão. É uma música que traz uma vibe calma, do jeito que a gente gosta de fazer, e que fala de amor. O Breno escreveu para o amor da vida dele e eu escrevi para o amor da minha vida”, disse João Pastor.  

A nova música é o sexto single da carreira do 26:15 e, assim como todas as outras canções autorais lançadas, também ganhou videoclipe, dirigido por Joshua Wolf. “A história do vídeo é a própria música. Ele foi gravado no meio de uma floresta, onde montamos um cenário colorido, e brincamos com as palavras e as imagens. Falamos de flores, então pegamos flores; falamos de cavaquinho, pegamos um cavaquinho”, explicou João.  

Como tudo começou 

João Pastor e Breno Duarte se conheceram na escola há quatro anos, quando descobriram ter um gosto em comum: a música. “O Breno trouxe a ideia do grupo, e eu topei”, contou João, que divide os vocais com o amigo (os dois têm a mesma idade, 19 anos). A eles, também se juntou Victor Machado, hoje com 20 anos, que entra como DJ nos shows. Desde então começaram a compor juntos. Mas só há dois anos o “fazer música” deixou de ser apenas um hobby para se tornar trabalho. 

A primeira música autoral lançada pelo 26:15 foi “Pra Paia”. “Ela faz muito sucesso até hoje; já são mais de 4 milhões de visualizações nas plataformas”, disse João. Ele, inclusive, cita os episódios que envolvem a canção como os mais marcantes da trajetória do grupo. “Foi o maior perrengue gravar esse clipe. Saímos de Belo Horizonte e fomos para Búzios (RJ), numa viagem que durou dois dias. Ou seja, gravamos o clipe e voltamos, nem dormimos lá. A viagem de carro teve pneu furado na estrada, perdemos um drone... foi uma loucura! Mas no fim o trabalho ficou lindo e fez sucesso”, comentou. 

Segundo João Pastor, o 26:15 tem referências que vêm do reggae, da MPB e da bossa nova, entre outros gêneros musicais. “Só que no meio do caminho a gente se deparou com o beat, que trouxe um pouco da inspiração do hip hop. Então, a gente acaba misturando reggae, MPB e hip hop”, explicou João, que também é produtor musical e beatmaker, e faz todos os beats das músicas do 26:15, no estúdio que tem em casa.  

O trio de amigos ainda não tem definida a próxima música que vão lançar após “Sabor Cereja”. Porém, planejam ampliar o repertório autoral para montar um novo show – até então as apresentações contam com covers de outros artistas. A volta aos palcos, aliás, é muito aguardada pelo 26:15. “Sempre cantamos com uma base de beat, com o instrumental feito ao vivo. Quando os shows voltarem, queremos colocar uma banda”, revelou João. 

 

Curiosidade        

Um ponto que desperta muita curiosidade no 26:15 é o nome. João Pastor explicou a origem dele: “A nossa primeira música pronta foi enviada no grupo do WhatsApp em um dia 26, às 15h. No dia 26 do mês seguinte, também às 15h, foi enviada a nossa segunda música. Achamos isso muito engraçado e daí surgiu o nome 26:15”. 

Acompanhe o 26:15 na internet: 

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCGOs4hHLs5HBr-kGCxTMYtA  

Instagram: https://www.instagram.com/26e15oficial/ 

Spotify: https://open.spotify.com/artist/7zyWAQgUX6rJprlFm6sqFv  

 

 

 

 

Fonte: Renato Lombardi - Jornalista - (31) 99241-2419