A 3ª edição da Bienal do Livro de Contagem reunirá entre os dias 8 e 10 de novembro autores da literatura nacional e representantes do cinema e da música brasileira, como Elza Soares, Miriam Leitão,  Conceição Evaristo, Rafael Mansur e Rita Cadillac. O evento segue o formato de um circuito literário em cindo espaços no Centro da cidade.

O Espaço Una Conhecimento será dedicado à literatura, arte, escrita, empreendedorismo, educação e psicologia. “Poder apoiar o maior evento literário do Brasil em nosso município é muito gratificante. Imprescindível que as instituições de ensino fortaleçam ações que incentivam e valorizam a leitura”, diz a diretora da Una Contagem, Tatiana Puiati.

No dia 08/11, haverá palestras e oficinas para aprender a dar os primeiros passos na escrita, desatar os “nós” dos textos e mediar leituras. A última atração será um animado duelo de MC’s. O segundo dia (09/11) traz o bate-papo “todo amor vale à pena”, diálogos sobre masculinidade e representatividade, além de uma apresentação de trava-línguas. No último dia (10/11), os temas literatura e censura e o poder da mulher na literatura estão entre os destaques. O encerramento será com o grupo Trama de Teatro.

Segundo Tatiana Puiati, o público jovem está garantido. “Alunos de pedagogia e de psicologia são voluntários, mas todos da unidade Una Contagem são convidados”, diz.