Uma das filhas de Olavo de Carvalho, Heloísa de Carvalho, lamentou nas redes a morte do pai, mas também deixou duras críticas ao escritor.  

"No dia que o Olavo postou que não tinha uma morte por covid, perdi uma querida amiga, que era viúva e deixou três crianças com menos de 10 anos órfãs. Olavo morreu de covid, não tem como eu sentir grande tristeza pela morte dele, mas também não estou feliz. Sendo sincera comigo e meus sentimentos. Tô bem e em paz comigo, minha consciência e com Deus", disse Heloísa. "Que Deus perdoe ele de todas as maldades que cometeu" completou. 

Sobre os comentários relacinados a morte do pai, Heloísa ainda disse que comemorar a morte de alguém é um atestado de total falta de humanidade.  

Conhecido como o guru bolsonarista, Olavo deixa a esposa, 8 filhos e 18 netos.  

O presidente Jair Bolsonaro (PL), também comentou sobre o falecimento. Nos deixa hoje um dos maiores pensadores da história do nosso país", escreveu em seu perfil no Twitter 

Morte 

Na madrugada desta terça-feira (25), morreu o escritor Olavo de Carvalho, aos 74 anos. A causa da morte não foi divulgada pela assessoria. O influenciador estava internado em um hospital na região de Richmond, no estado norte-americano da Virgínia. No último dia 16, o escritor havia informado que estava com Covid-19.   

Olavo ficou conhecido no meio político por suas ideias conservadoras e anticomunistas. Na internet ganhou popularidade com seu canal no Youtube e seus comentários minimizando a pandemia da Covid-19, além de críticas a vacina.