Nesta segunda-feira (11), Henri Castelli, ator de 42 anos, chocou a internet ao aparecer em um vídeo, chorando, com o maxilar quebrado, relatando uma “agressão covarde” que foi vítima em Maceió.  

Numa sequência de vídeos, para o site Hugo Gloss, o ator desmentiu a própria versão anterior, em que contava que havia se machucado na entrada da academia. 

Após surgirem novos boatos alegando que ele havia se envolvido em uma briga, Castelli, resolveu esclarecer os rumores e contar a real versão da história. 

"Anunciaram há pouco que eu entrei numa briga em Alagoas, o que não é verdade. Foi muito triste o que aconteceu comigo. Vocês devem ter visto que eu dei entrada na Santa Casa de Alagoas no final do ano por ocasião de um acidente na academia. Mas a verdade é que não foi um acidente e não foi na academia. Eu fui agredido covardemente, sem que eu pudesse reagir ou me defender" relata o ator. 

Em seguida, explicou como o caso aconteceu “O que aconteceu foi que eu estava com alguns amigos, e do nada eu fui puxado pelas costas, pelo pescoço, jogado no chão e fui agredido, vítima de socos e chutes que levaram a uma fratura exposta na minha mandíbula." 

O ator foi para o hospital, onde recebeu atendimento da equipe médica. Sua mandíbula, que foi quebrada com a força das pancadas, foi amarrada com um fio de aço para que o ator pudesse voltar para São Paulo e fazer a cirurgia definitiva.  

Como ainda precisava cumprir demandas no estado, Castelli, informou que preferiu mentir para não assustar sua família, até que pudesse encontrá-los e explicar presencialmente. 

Os agressores foram identificados e chamados para prestar esclarecimentos e os vídeos do ator serão juntados ao processo. 

Após repercussão dos vídeos, o ator voltou a web para agradecer aos fãs pelo apoio e que está sendo bem cuidado e descansando.