Um medicamento testado em Israel vem mostrando resultados positivos no tratamento da Covid-19. O remédio apresentou potencial de 93% de cura em quadros graves de Covid-19. Além disso, os pacientes tratados com o novo fármaco tiveram alta hospitalar em cinco dias após receberem o tratamento. 

De acordo com o portal de notícias Catrata Livre, o medicamento foi desenvolvido r uma equipe médica israelense e já está na fase 2 de testes. Para realizar a análise, os médicos testaram o fármaco em 90 pacientes que participaram do estudo na Grécia. Em comum, todos estavam com infecção grave do novo coronavírus e 93% deles foram curados no curto intervalo. 

Além disso, os pesquisadores revelaram que o medicamento se mostrou seguro aos pacientes, ou seja, não houve registro de efeitos colaterais significativos. 

O fármaco foi desenvolvido a partir de uma molécula chamada CD24, que está naturalmente presente no corpo e presa na membrana das células. A molécula tem várias funções, entre elas, a regulação do mecanismo responsável pela tempestade de citocinas. 

Os pesquisadores estão se preparando para lançar a fase final do estudo. Se os resultados de eficácia, segurança e qualidade forem confirmados, a equipe de desenvolvedores diz que o tratamento poderá ser rapidamente disponibilizado e com baixo custo. 

 

 

Com: ICTQ - Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade